Image

SUPER BOCK GROUP

SUPER BOCK

Calsberg

água das pedras

Somersby

Termos e condições

Política de cookies

Política de privacidade

Contactos

Newsletter

A vitalis utiliza cookies no site para te proporcionar uma melhor experiência de utilização.

Os melhores alimentos contra a ansiedade: uma solução natural para se sentir melhor
15 de abril de 2019
Nutrição

voltar

O estilo de vida moderno e os elevados níveis de stress permanente, traduzem-se, muitas vezes, em ansiedade.

Neste contexto, a evidência científica atual aponta para uma forte influência de alguns nutrientes e alimentos na sintomatologia da ansiedade, existindo alguns alimentos contra a ansiedade que podem interferir com as bases biológicas do humor.

Nutrientes e Alimentos que ajudam a combater a ansiedade

Dentro dos nutrientes e alimentos que ajudam a combater a ansiedade, salientam-se os seguintes:

Alimentos ricos em Proteína - (carne, peixe, ovos, lacticínios, leguminosas)

A maioria dos alimentos ricos em proteína possuem na sua composição o aminoácido triptofano, um importante percursor da hormona serotonina. Esta hormona é responsável pela sensação de felicidade e bem-estar, visto que regula o humor e a concentração, promove um descanso de qualidade e aumenta a capacidade cognitiva, ajudando, por isso, a controlar a ansiedade.

Alimentos ricos em Ómega 3 - peixes gordos, frutos secos oleaginosos (nozes, amêndoas, avelãs) e sementes (linhaça, girassol)

A família dos ácidos gordos ómega 3 é fundamental para o funcionamento do cérebro, visto que estes são constituintes das membranas celulares dos neurónios e são importantes na comunicação entre células nervosas. Os ácidos gordos ómega 3 que merecem maior destaque pelo seu papel na prevenção da ansiedade são o EPA e DHA.

Vitaminas do Complexo B - Hortícolas de folha verde, cereais integrais, leguminosas, vísceras (especialmente vitamina B12)

As vitaminas do complexo B são muito importantes para a síntese de diversos neurotransmissores (sustâncias essenciais à comunicação entre neurónios). Neste contexto, a ingestão de alimentos ricos nestas vitaminas pode ajudar no combate à ansiedade.
Além disso, estas vitaminas servem como cofatores de enzimas importantes no metabolismo energético e dos hidratos de carbono, promovendo o relaxamento em situações de stress e fadiga.
Dentro das vitaminas do complexo B salientam-se a vitamina B1, o ácido fólico, a B6 e a B12.

Alimentos ricos em Vitamina D - Vísceras, ovos, lacticínios
Níveis de vitamina D adequados no organismo estão associados a maior vitalidade, bem-estar e serenidade, ajudando a evitar a ansiedade.

Alimentos ricos em Zinco - carne, nozes, leguminosas e lacticínios.
O zinco é um mineral essencial com efeitos positivos no sistema nervoso e um efeito relaxante. Pessoas que sofrem de ansiedade e depressão apresentam, frequentemente, deficiência neste mineral.

Alimentos ricos em Magnésio - tofu, soja, caju, tomate, salmão, espinafre, cereais integrais
O magnésio ajuda ao relaxamento muscular, na transmissão neuromuscular e na dilatação das veias, potenciando estados de maior tranquilidade.

Alimentos ricos em Selénio - funcho, ginseng, alho, fígado, caju, crustáceos
O selénio é um mineral com propriedades antioxidantes importantes, atuando como protetor dos neurotransmissores. Deficiências em selénio têm um impacto negativo no estado de humor e promovem a ansiedade.

Além destes alimentos, a inclusão de infusões como camomila, valeriana, tília, hortelã-pimenta, pode ajudar na prevenção e tratamento da sintomatologia ansiosa.

Sustâncias a evitar na ansiedade
Por outro lado, para contornar a ansiedade é também importante que evite alimentos com cafeína, como café, chá, refrigerantes, visto que estimulam a ação das glândulas suprarrenais, potenciando a ansiedade e dificuldades de sono, assim como álcool e consumo excessivo de sal, que interferem com a pressão arterial e o sistema nervoso.

Apartado 1044 Mosteiro - Leça do Balio

4466-955 S. Mamede de Infesta

Image

© 2019 All rights reserved.